CONECTE-SE
TWITTER
Image Not Found On Media Library
indio
INSTAGRAM
  • Instagram Image
  • Dia de leitura. Sempre acrescenta. 🌞
  • Aproveitem o feriado para cuidar da família. ❤️
  • GUARDA MUNICIPAL ARMADA !

Prometi na campanha de 2016, caso fosse eleito prefeito, armar a GM. Fiz isso ao lado do atual vereador Jones Moura, que engrossava o couro porque além de defender a mesma tese, Jones é GM concursado e sabe o quanto um GM sofre nas ruas tentando colocar ordem na Cidade. 
MINHA EXPERIÊNCIA DESDE 1993!

Fui administrador do Parque do Flamengo e depois de Copacabana/Leme. Sem a GM não teria feito 10% do que fiz com apoio da GM. E, de perto vi suas dificuldades. Muitas vezes, o GM é achincalhado por quem comete delitos e não tem como enfrentar. 
QUEM SÃO MUITOS GMs?

Um enorme percentual dos nossos guardas foi PM e preferiu deixar o distintivo atrás de uma atividade mais leve, que não envolvesse o enfrentamento diário ao narcotráfico, até mesmo porque da forma que se faz, é um exercício de enxuga gelo. 
GM É CIDADANIA 
O GM qualificado, nos ajuda na garantia da ordem pública, uma das bases da cidadania. 
COMO ARMAR?

Para armar a GM é preciso muito treinamento prático, conhecimento jurídico, apoio psicológico e a definição clara de um protocolo de ação muito qualificado. 
QUAIS GMs DEVEM PORTAR ARMA E TREINAMENTO

A nota para estar apto deve ser alta. O treinamento, permanente. E, caso não use adequadamente, sua arma deve ficar acautelada. Armar deve ser um processo e não um evento. Portando, a GM deve ser armada por turmas. Não de uma vez. 
DIREITO DE ESCOLHA

O GM deve ter direito de escolha, pois o concurso público à época não o obrigava ao uso de armas. Portanto, o GM, legalmente, terá o direito de escolher. 
O PREFEITO COM GM ARMADA

Com a GM armada, espero que o Rio tenha sucessivos prefeitos, independente de partido, crédulo ou religião, que evitem novas invasões e não deixe que os bairros continuem sendo dominados por atividades ilegais. Isso aumentará o emprego formal, a arrecadação e, consequentemente, haverá mais recursos para os serviços públicos. 
PEÇO VOTO DOS VEREADORES

Como carioca que ama o Rio, hoje sem mandato ou filiação partidária, peço aos Srs. vereadores que votem pela legalidade. O crime tomou conta do Rio e a PM / P. Civil precisam evitar crimes de maior potencial ofensivo.
  • Defendo armar a Guarda Municipal, desde que se faça muito treinamento e apenas os GMs qualificados possam porta-la. A Guarda de SP é armada há anos. E ajuda muito à PM. Tomara que os vereadores aprovem o projeto de lei e o prefeito ofereça o treinamento adequado para ir armando aos poucos. Sugiro começar pelo grupo especial que está à frente dos enfrentamentos com ilegalidades. Com a GM armada aliviará o tempo da PM para tratar de crimes de maior potencial ofensivo.
  • Minha crítica da prefeitura não cumprir contratos e dar calote nas suas dívidas  têm razões éticas e práticas. A prefeitura não depositou uma parcela da dívida com o BNDES, mas agora terá que pagar por ter esse valor acrescido de multas. E, agora, quem está em risco é a cidade que perde em serviços e os servidores que podem não receber o que lhes é devido. 😡
Dívida se paga. Simples assim.
  • Lembro de uma reunião com o prefeito e todo o seu secretariado, no primeiro ano da atual gestão. Eu defendia conter os gastos da prefeitura para pagar as dívidas deixadas pela gestão anterior. Crivella escutava a opinião de todos. Clarissa Garotinho defendia que não seriam necessárias medidas de contenção de gastos com o argumento que “dívida de governo não se paga, se rola”. 😱 
A reunião buscava caminhos para resolver a dívida deixada pela “gestão olimpica” onde, além do conhecido registro público de bilhões a serem pagos nos anos seguintes, haviam outras dívidas, na casa de 1.5 bilhão de reais, que apagaram dos sistemas de controle da prefeitura, como se não existissem. (Solução ilegal usada pelos governos Lula-Dilma para burlar a lei de responsabilidade fiscal que torna inelegível o gestor que não cumpri-la). Agora, o atual prefeito dá um calote no BNDES como se pudesse dispor do caixa sem pagar suas dívidas. A Justiça interrompeu o calote ao BNDES, bloqueando receitas. A prefeitura recorrerá. E, espero, perderá em nome da seriedade com a gestão pública.
Calotes, cancelamento do concessões sem o devido processo anterior, foi o que transformou a Venezuela no que é. 
Na minha opinião, dívida de governo SE PAGA.
  • Até que enfim!! O seguro obrigatório só serve para encher o bolso de grandes seguradoras. Custa muito mais caro do que apoia poucos atendidos. Seu fim é mais um ponto para reduzir o abusivo “custo Brasil”.
  • Não é novidade a matéria do jornalista Rafael Galdo, do O Globo, que mostra o Rio dominado pelo crime. E, a situação piora a cada dia. Por trás, há muitos interesses. Entre eles, eleitorais, financeiros, “empresariais” e muitos outros. Uma realidade que precisa ser mudada.
  • Lições de um grande amigo e empreendedor. Aqui, no MBA Executivo do Insper, tem sido meu lema. Já estou saindo para a aula de Contabilidade.
  • Lula solto. Política nacional pegando fogo. E eu aqui, me preparando para a prova de Macroeconomia, no Insper.
  • Uma aula do que importa na vida!

Rio de Janeiro

Todas

Foi aprovado no dia 11/12 na Câmara Municipal o novo Código de Obras do Rio. Ele aquece o mercado imobiliário e permite novas construções — portanto, vai gerar mais empregos. O código é inclusivo: propicia que pessoas com diferentes níveis de renda morem no mesmo prédio, porque os edifícios poderão ter apartamentos pequenos (de até 25m2) e outros maiores. As novas regras se adaptam à realidade atual, de famílias mais …

Leia Mais →

Indio da Costa afirmou nesta quarta-feira (22/08) que, uma vez eleito governador, vai acabar com o roubo de cargas no Rio de Janeiro. Ele esteve pela manhã com comerciantes da Cadeg que sofrem com o impacto da violência no funcionamento do mercadão de comércio alimentício, restaurantes e bares populares em Benfica, na Zona Central do Rio. “Nossa proposta é garantir que o transporte de carga entre e saia da Cadeg …

Leia Mais →

O candidato do PSD ao Governo do Estado, Indio da Costa, participou nesta terça-feira (7/08) de entrevista ao vivo na Rádio Saara. Ele falou do seu plano de governo, onde predominou o tema da política de segurança, principal foco da sua plataforma. O apresentador Luiz Antonio Bap e o presidente do Polo Saara, Eduardo Blumberg, perguntaram qual a proposta do candidato para o Rio de Janeiro. “Segurança Pública, antes de …

Leia Mais →

Em busca de experiências que possam contribuir para a reconstrução do Estado do Rio de Janeiro, o deputado Indio da Costa se reuniu com o governador do Espírito Santo, Paulo Hartung, na quinta-feira (10/05). Hartung é economista, palestrante e foi eleito governador pela terceira vez em 2014 no 1º turno. Indio exaltou a experiência obtida pelo governador e a importância de aplicá-la. “Paulo Hartung enfrentou, um a um, os muitos …

Leia Mais →

Estudantes também sofrem com a insegurança e o calor. Matéria faz parte de série de reportagens sobre a educação no Estado do Rio de Janeiro. Alunos da rede estadual de ensino do Estado do Rio de Janeiro sofrem com a falta de limpeza, conforto e segurança para estudar. Eles enfrentam uma rotina que dificulta a permanência nas escolas. Durante um mês, a equipe do RJ2 conversou com estudantes, funcionários e …

Leia Mais →

Não adianta insistir! Não existe segurança pública sem polícia, e não existe polícia sem policiais. Por mais óbvio que pareça, isso foi esquecido no Rio de Janeiro. Por aqui, fazem programas de governo na área da segurança pública sem considerar a polícia. Foi assim com Brizola, em 1982, com o Moreira Franco, em 1986, e com todos os governadores que vieram em seguida. Não à toa, nada tem dado certo …

Leia Mais →

Não percamos mais tempo com as estatísticas e diagnósticos. Já temos os números e as razões. É importante focar na solução e não há como tratar a segurança pública sem polícia. Ela tem várias faces, quando considerada a competência do governo do Estado e das prefeituras. Uma para o policiamento ostensivo, entregue à Polícia Militar e às Guardas Municipais. Outra para a investigação, à cargo da Polícia Civil, que precisa …

Leia Mais →

No dia 11, o JN nos trouxe uma boa notícia. A polícia do Rio prendeu uma quadrilha de roubo de cargas, depois de investigar a atuação dela. As prisões tiveram origem em inquéritos compostos com escutas telefônicas. Houve cerco em Acari e nenhum tiro. 350 agentes policiais participaram da operação e todos os membros da quadrilha foram presos. É o que eu tenho dito: se investigar, pega. O roubo de cargas …

Leia Mais →

Grande parte dos criminosos, sejam aqueles que praticam assaltos nas ruas, roubos de carga, tráfico de drogas, ou outras ilegalidades, são adolescentes. Os adultos presos, ou que roubam, matam, e cometem crimes e estão em liberdade, iniciaram a vida de crime na adolescência. Tudo começa na infância, seja para o bem ou para o mal. O jornal O Globo, na edição de 11 de junho de 2004 – isso mesmo, …

Leia Mais →

Por ano, são assassinadas no Brasil quase 60.000 pessoas porque não há política de segurança pública. Os dados estão com detalhes numa matéria ampla publicada pelo jornal O Globo, na edição da última terça-feira, que abriu uma nova série sobre homicídios no país. A informação é cruel e se torna vergonhosa quando a gente compara os números com o valor gasto pelos governos com a Segurança Pública. No ano passado, …

Leia Mais →
Arquivos Rio de Janeiro - Indio da Costa